Estou apaixonada(o) pelo meu zelador(a) e agora???

Postado em Atualizado em

 

dia-dos-namorados

Mo júbà gbogbo

 

Retornamos em 2016 com tudo e com certeza com novo fôlego e novidades mil, mas claro que não deixamos nossos posts que sempre trazem uma discussão saudável e orientadora sobre assuntos por vezes poucos discutidos ou discutidos às escuras.

Não é de hoje que o relacionamento entre membros de um mesmo Ilé causa preocupações, escândalos e  divergências entre pessoas. Assim como o assunto Crianças dentro do Candomblé (se não leu sobre este assunto, clique aqui e acesse este post) e também sobre o Sexo e o Candomblé (Esse post causou bastante discussões entre os membros rsrs), o assunto romance, relações amorosas dentro do mesmo ilé, por parte dos membros dividem a todos. Há quem já considere isso bem tranquilo, desde que sejam respeitadas os momentos litúrgicos do barracão, a hierarquia e também os fatos ocorridos nos bastidores.

 

Muitas vezes o filho(a) de santo passa tanto tempo com seu zelador(a) ajudando, lado a lado…. passando bons e maus momentos… por vezes indo para festejos do mundo e isso, somado ao fato que a figura do zelador(a) causa admiração em seus seguidores(Quando bem executado essa função de líder), acaba criando um sentimento em pessoas carentes ou com falta de referência religiosa… enfim, nasce ai o amor… ou paixão! Não é novidade a notícia de alguma filha de santo que se abre pro seu zelador dizendo que teve sonhos eróticos com o mesmo ou que não consegue ter mais nada com namorado ou marido pois só pensa no pai de santo. Assim também ocorre com homens e suas zeladoras… sabemos disso, não sejamos hipócritas em negar!


 

 

Aprenda já o Idioma dos Òrìsà. Baixe Seu Curso Gratuito de Yorùbá com Áudios! – Clique Aqui e Fale a Língua Yorùbá


Mas essa situação ainda não é de causa tanto problema, pois é apenas uma parte que está confundindo as situações…. uma boa conversa, orientação deixa tudo em seu lugar. Pelo menos é assim que vejo os líderes resolvendo a situação, mas e quando o romance é consumado? Quando ficamos sabendo que um zelador(a) assumiu um romance com seu filho(a) de santo?

 

Bàbálórìsà ou Ìyálórìsà namorando ou casado com Ògá, Ìyáwo ou Ekéjì!!!

Sim, conheço casas onde o zelador(a) tem como seu companheiro(a) amoroso(a) um filho(a) e tirando momento onde há pequenos atritos que não sabemos se é relacionado à função ou ao romance, sabemos que essas casas funcionam tranquilamente. Zeladoras que são casadas com Ògá de seu Òrìsà; Zeladores que tem como Ekéjì suas esposas e foram iniciados pelos mesmos…. talvez aí que more o grande problema: a famosa mão que vai a cabeça.


 

curso_de_iorubá_banner


 

Já ouvi de tudo: a mão que passa a navalha não pode ter contato sexual com o iniciado, as energias não seriam compatíveis, que isso cria bagunça no barracão…. mas enfim, como é na vida real?

Como sempre, não tomo partido, gosto de observar e analisar, mas confesso que nunca vi nada de errado nessas relações e a bem da verdade ela já acontece a tempos, é que hoje as coisas andam mais abertas!

Como diz o ditado: Macumba boa é a que dá certo!

 

A casa estando em harmonia; os filhos seguindo seus caminhos abertos e com prosperidade, felicidade e amor…. o que importa se nos momentos de lazer.. momentos pessoais o(a) zelador(a) está sendo amado(a) por uma pessoa que goste dele(a)… seja ela ògá, ekéjì ou ìyáwo?

Vamos debater o assunto??

Curta Nossa FanPage: Curso de Yorùbá – Fan Page

Anúncios

4 comentários em “Estou apaixonada(o) pelo meu zelador(a) e agora???

    Fabiana disse:
    janeiro 11, 2016 às 1:09 am

    Gostei muito di assunto!!!aconteceu comigo!hoje sou casada com o Ogan do meu orixá!!! No começo fui muito criticada!!! Mas levo minha vida normal com ele ao meu lado!
    Estamos,4 anos juntos maritalmente! Mas de amizade e vida espiritual são 14 anos de convívio!!! Muitos se afastaram de nós, mas hoje agradeço a minha mãe Oiá, por ter me dado ele como meu marido!e as pessoas que se afastaram de mim!!!a realidade é que não ficaram satisfeitas de me ver feliz!!!o meu motumba!!!

    Curtir

      olukovander respondido:
      janeiro 11, 2016 às 1:12 am

      Boa noite

      Que bom… o importante é que as partes estejam felizes e tudo corra bem na vida de ambos.

      Muito àse para ti e seu marido.

      Curtir

    Honorio Pacheco Neto disse:
    janeiro 11, 2016 às 1:10 pm

    Baba ou Iya, antes de tudo são seres humanos e com todas as necessidades e vontades. A proximidade pode trazer o interesse e isso se consolidar em um relacionamento entre as diversas pessoas da casa, independente da função ou grau. Nada de anormal, apenas os sentimentos de duas pessoas e o entendimento de ser o que e bom para ela. A parte litúrgica ou de fundamentos, devem ser ser seguido de acordo com os preceitos estabelecidos e não devem privilegiar ou causar nenhum tipo de segregação ou constrangimento. O Amor entre as pessoas sempre é bem visto pelo Orisá. Ase-o

    Curtir

    Danielle disse:
    fevereiro 3, 2016 às 12:46 am

    Sou nova no espiritismo mais sou apaixonada por ele des q o conheci só q ele e bi sexual e acho q ele e tbm
    Mais ainda não fui feita por ele ainda não
    Eu não sei oq fazer pq já me declarei ora ele.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s